camila viajando
Camila na Catedral de São Basílio, na Praça Vermelha em Moscou, Rússia

Oi, gente, mas oi mesmo! Tudo bem? O blog hoje está internacional, trouxe a experiência da minha amiga Camila Amaral que tem viajado o mundo. Conheci a Camila quando fazíamos  jornalismo na PUC, em Goiânia. Na época, ela estava voltando da África do Sul, lugar onde foi trabalhar como cuidadora de crianças.

Camila é de Goiânia, Goiás. Mas, nesse momento está em Bali, na Indonésia. E graças a tecnologia, me contou sobre suas experiências. Ela está de passeio pela Indonésia, porque, atualmente, mora em Beijing, capital da China. Apesar de ser formada em jornalismo, é como professora de crianças que minha amiga se realizou como profissional.

“A China é incrível, mas a diferença cultural é muito grande. A pessoa que quiser visitar o país, tem que estar preparada para uma cultura totalmente diferente, além de estar disposta a conviver com multidões de habitantes com uma higiene diferente.”

camila-com-as-crianc3a7as.jpg
Camila com seus alunos na China

Eita mundão

A China é o quinto país que Camila mora. Antes, a goiana esteve nos EUA, Nova Zelândia e outros. Ela começou a viajar para o exterior em 2008, quando tinha 20 anos, hoje com 30, já conheceu mais de 20 países.

Algumas viagens foram longas, cerca de cinco meses, outras nem tanto. Contudo, o mais importante para a professora é aproveitar o máximo o local onde está.

“Eu gosto de sentar num café ou num bar e conversar com os moradores. Gosto de fazer trilha, subir montanhas, conhecer a natureza.”

Ela sempre viaja sozinha e com um mochilão, diz que é essencial falar inglês e geralmente, fica em albergues, além de lavar a roupa durante a viagem.

No final, Camila diz que não fica caro. “Eu acho mais barato viajar o sudoeste asiático do que o nordeste do brasileiro. No sudoeste asiático as praias, as pessoas são incríveis. A moeda é desvalorizada em relação ao real e as coisas são baratas. A única coisa que é cara, é a passagem de quem vem do Brasil.”

Experiências incríveis

camila turistando
Camila em Myanmar no mercado local

Dos países que Camila visitou o que ela mais gostou foi Cuba e Myanmar. O primeiro por causa de Fidel Castro, o qual quis conhecer enquanto ele estava vivo. O segundo porque viveu uma experiência de meditação, a qual ficou 10 dias sem falar.  Apesar de ter sido um momento maravilhoso, a professora lamenta a crise política pela qual Myanmar está vivendo.

Mas a lista se estende quando minha amiga relembra dos outros países. Ela diz que a Nova Zelândia, local onde morou por dois anos, tem uma natureza incrível, “dá vontade de chorar de tão bonita, contudo o custo de vida é muito caro”.

Na Tailândia, diz que o turismo é ótimo, apesar de ser um país pobre. No Camboja, sentiu medo por causa da corrupção. E na América do Sul recomenda: “o brasileiro tem que conhecer a Colômbia, Argentina e Chile é pertinho e compensa demais”.

Camila é feliz viajando. A jovem deixou sua família em Goiás e foi viver a experiência de conhecer o mundo. Ela pretende fazer inúmeras viagens. E os próximos destinos provavelmente será o Vietnã, Marrocos e Egito.

E você viaja muito ou ainda pretende realizar esse sonho. O que achou da experiência da Camila, me conta aqui nos comentários.

Obrigada por acompanhar o blog.

Um beijo e até o próximo post.

Instagram da Camila: @camikiwi

Veja esse outro post: Procissão do Fogaréu e As praias do Rio Araguaia em Aruanã

Me siga nas redes sociais:

Facebook: Danielly Chaves

Twitter: @danielly_chaves

Instagram: @daniellychaves

Danielly Chaves
daniellychavesoficial@gmail.com
Neste site, compartilho meu modo de enxergar o mundo. Espero que você saia daqui com algumas minhocas na cabeça!! Sou cristã, gosto de música, moda, internet, viajar e ler. Obrigada por acessar!!!

8 thoughts on “Ela conheceu 20 países”

Deixe um Comentário