capa joão pauloOi gente, mas Oi Mesmo! Tudo bem? Dia 12 de setembro fez 20 anos que o cantor sertanejo João Paulo foi vítima de um acidente. Ele voltava de um show, quando o carro que dirigia capotou várias vezes. O cantor morreu carbonizado, no auge da fama. As músicas de João Paulo e Daniel eram sucesso nas rádios, em 1997.

João Paulo foi funcionário na fazenda do pai de Daniel. Além da afinidade com o campo, eles eram apaixonados pela a música. A dupla surgiu em 1980. Começaram cantando nos barzinhos de Brotas, São Paulo, cidade natal de ambos. E o primeiro disco “Amor Sempre Amor” saiu em 1985.

Contudo, foi em 1996 que consolidaram-se definitivamente junto ao público. O LP com a faixa “Estou apaixonado” vendeu mais de 1 milhão de cópias. A dupla se apresentava nos principais programas de televisão e várias músicas compunham a trilha sonora das novelas. Porém, este sucesso foi interrompido, João Paulo aos 37 anos partiu desse mundo.

A admiração não acabou

Todo o trabalho da dupla continua sendo estimado pelos fãs. Edna Maria de 39 anos, por exemplo, é  uma fã deles. Diz que sofreu muito com a morte do João Paulo. “Eu sempre fui apaixonada pela música deles e depois de ver a forma, humilde, como Daniel falou do parceiro, passei a admirar ainda mais.”

Edna resolveu externalizar esse amor, tornando-se membro do “Fã-Clube Daniel Estou Apaixonado – Goiânia”. “Eu estava ouvindo a rádio “Terra FM” quando o locutor comentou sobre o grupo. Entrei em contato com a presidente do fã-clube, Andreia Cristina Albernaz, que me encaminhou uma ficha para cadastro e as regras para participar.”

Desde de 1999, Edna faz parte do fã-clube que acompanha a agenda do cantor. “Já fomos pra Minas Gerais, São Paulo, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Paraná e muitas cidades do interior de Goiás”, disse a presidente do grupo, Cristina, que está grávida de um menino, o qual se chamará Daniel.

daniel e edna
Edna já esteve quatro vezes bem pertinho de Daniel

A música continua

Após a morte do parceiro, Daniel refletiu se faria dupla com outra pessoa, até que em 1998, decidiu lançar o seu primeiro CD solo que agradou o público. “O Daniel é diferente, ele não é aquele tipo de artista que faz música só para ganhar dinheiro”, disse a admiradora Edna.

Outra característica do cantor que agrada, é a humildade. Edna afirma que ele é transparente e educado, que recebe o público com carinho. “Uma vez, a convite do Daniel, eu e centenas de fãs estivemos na Estância Nathálya em Botucatu – SP, onde ele nos recebeu e fez um show ao vivo para nós”.

A primeira vez que ouviu a dupla, tinha 11 anos. Ela faz parte daquela geração que acompanhou o boom das duplas sertanejas no Brasil. Hoje, o mercado tem muita gente nova, com o sucesso do sertanejo universitário. Contudo, um cantor para conquistar o seu público, precisa ir além da música, ele precisa ganhar o coração do seus fãs. Muitas décadas se passaram desde o início da dupla João Paulo e Daniel, todavia, os seus admiradores continuam apaixonados.

Aos familiares do João Paulo deixo meus sentimentos e este post como tributo ao cantor e todos os seu fãs.

E você tem algum artista que admira? Deixa aqui nos comentários sua opinião.

Obrigada por acompanharem o Blog e até o próximo post.

Um beijo, tchau.

Esse é o fã- clube do Daniel: Fã-Clube Daniel Estou Apaixonado Goiânia

Me siga também nas redes sociais Twitter Danielly Chaves,  Facebook Danielly ChavesInstagram Danielly Chaves

Você também vai gostar de O jeito que ouvimos música mudou e 7 músicas que retratam o Brasil

 

Danielly Chaves
daniellychavesoficial@gmail.com
Neste site, compartilho meu modo de enxergar o mundo. Espero que você saia daqui com algumas minhocas na cabeça!! Sou cristã, gosto de música, moda, internet, viajar e ler. Obrigada por acessar!!!

2 thoughts on “20 anos de saudade”

Deixe um Comentário